Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blog só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

segunda-feira, 7 de maio de 2018

Vamos Desenhar com... Isa Silva - 5 de maio

Desta vez calhou-me a mim contar um pouco da minha história e lançar um desafio para rabiscar.
Obrigada a todos que estiveram no Museu do Carmo e um beijinho especial às novas presenças que ficaram com muita vontade de aparecerem em mais encontros.

O tema que lancei obrigava a olhar para algo que não é habitual e a desenhar algo que não se costuma desenhar: os pés. Desenhar pés em padrões no chão, pés de estátua ou simplesmente desenhar pés a ver-se uma paisagem (confesso que esta é a que gosto mais).

São os pés que nos levam aos sonhos, às pessoas que gostamos, aos lugares maravilhosos, aos caminhos da vida e esquecemos tanto de os mimar.

Eu andei de pés no ar, numa posição divertida :-) Foi uma tarde fantástica e deixaram-me mt feliz com as vossas presenças e desenhos.

A Zeta teve direito a um selfie porque chegou atrasada à foto de grupo.






4 comentários:

Rosário disse...

Que divertido desafio!

L.Frasco disse...

Nem sei como é que deixei passar este "Desenhar com", Isa. Queria mesmo ir.
Vejo que tiveste um belo grupo. E teria adorado o teu desafio!

Isa Silva disse...

Divertido mesmo Rosário :-)
Podes sempre participar Luís :-)

teresa ruivo disse...

Vou guardar uma folha no meu caderno para preencher com o teu desafio da próxima vez que for ao Carmo!