Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blogue só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

sexta-feira, 2 de dezembro de 2022

Rua de Essaouira, Marrocos


Nos intervalos de aguarelas maiores peguei no caderninho e registei a vida quotidiana de Essaouira
 

Desafio 141 - Desenhar Decorações de Natal

 


Participação até 26 de Dezembro.

Atenção às regras, nomeadamente ao uso da etiqueta: #desafio141 (sem espaço).

Lembramos que quem tiver mais comentários (não valem os repetidos, nem do próprio, nem de anónimos) será o vencedor, e o desenho terá o destaque no cabeçalho no próximo mês do blog e da próxima Agenda.

Participem!

Encontro no Centro Ismaili, Lisboa - 17 de Dezembro 2022

 


Vamos regressar ao Centro Ismaili após a última visita organizada pelo Eduardo Salavisa em 2016. O Centro Ismaili, reflecte a identidade e a herança cultural da Comunidade Ismaili em Portugal e comemora 26 anos no dia 18 de Dezembro. Está localizado nas Laranjeiras em Lisboa.

Data: 17 de Dezembro 2022
Horário: 10h-13h
Participantes: 25

Inscrições (data limite até 15 Dezembro às 23h59):
https://forms.gle/p54wKum3ApEVZWHJ8

Morada e ponto de encontro: Avenida Lusíada, 1
Metro: Laranjeiras (Linha Azul)
Autocarros: 701, 726, 764

Org: Centro Ismaili, USkP


Desenhar pessoas na Amareleja


 

segunda-feira, 28 de novembro de 2022

Grupo do Risco

A exposição do Grupo do Risco, no MNHMC, tem-se prolongado no tempo e ainda bem, porque há tanto para ver e tanto para rever. Já lá fui várias vezes e nunca digo que foi a última. A certeza é só uma: Não lhes chego aos calcanhares!


sábado, 26 de novembro de 2022

Expresso na esplanada

Primeiro caderno ou revista?


Living Among What’s Left Behind

 


A Exposição Living Among What’s Left Behind de Mário Cruz (vencedor world press photo), organizada pela Associação de Fotógrafos Amadores dos Açores, foi realmente impressionante. Como podemos, nós seres humanos, deixar que outros seres vivam em tais circunstâncias? Manila é uma cidade grande, com muitos habitantes e com gente a viver numa espécie de submundo, sem acesso a sistemas de saúde ou educação, sem acesso às condições sanitárias básicas, sem acesso à alimentação e ao conforto, é medonho. O mais incrível é que Manila não é um caso isolado na paisagem da desigualdade. Como podemos mudar estas discrepâncias??




Oficinas Singulares #29 | Ivo Baptista

Nesta 29ª sessão convidamos o Ivo Baptista para nos falar da sua abordagem e a desafiar-nos a desenhar - no/ num local - de acordo com o seu modo de ver.
Ao finalizar a conversa o nosso convidado lançou-nos um desafio que gostaríamos de ver resolvido por todos aqueles que gostam de desenhar em caderno e se sintam estimulados pelo desenho no local.

https://www.facebook.com/profile.php?id=100011656626091
#IvoBaptista
#USkPAzores
#USkPortugal
#oficinassingulares
@USkPAzores


sexta-feira, 25 de novembro de 2022

quinta-feira, 24 de novembro de 2022

Sofia Arez, no MNHNC.

A Exposição "Symbiosis" foi-me recomendada por vários amigos.
Agora, depois de a visitar, sou eu que a recomendo. Vivamente!



sexta-feira, 11 de novembro de 2022

quarta-feira, 9 de novembro de 2022

Panteão Nacional

Orquídeas - Exposição de Orquídeas em Lisboa

A seguir a margaridas, as orquídeas são as flores que mais gosto e perdi-me na variedade, formatos e tamanhos das dezenas de orquídeas presentes nesta exposição em Lisboa.
Foi um encontro organizado pelo grupo Sketchus Botanicus.

Enchi 4 páginas do meu caderno vertical :-)