Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

domingo, 18 de junho de 2017

10 x 10 Vila Viçosa


Em Vila Viçosa o programa de comemoração dos 10 anos dos urban sketchers que se realizou no Alentejo chegou ao fim. Na mata municipal o José Barreiros e o Vicente Sardinha levaram-nos numa viagem pela história da indústria de extracção e transformação do mármore uma indústria pesada e perigosa que trouxe riqueza à região com o custo de muitas vidas à população local. Longe dos tempos áureos o mármore continua em todo o lado. Está nos bancos de jardim, no chão, nas casas, até no ar que se respira.
Ainda na mata fizemos a preparação duma dupla página com uma aguada que reproduzisse os veios e as cores do mármore polido. O truque para realçar os veios e as cores é molhar o mármore. Sal e álcool foram também utilizados para criação de texturas e de tonalidades.
Depois fizemos uma visita à serração de mármore do César Valério que transforma os blocos de mármore trazidos das pedreiras das redondezas. Os blocos são colocados numa primeira máquina a talha-bloco que como o nome indica, talha o bloco em peças que são transferidas para a cortadeira. Daqui saem as pedras com as dimensões próprias para as várias aplicações do mármore. Para finalizar as pedras seguem para a polidora e posteriormente para a biseladoura que amacia as arestas vivas da pedra.



Na parte da tarde houve o encontro conjunto dos Ésk (o 50º encontro dos Évora sketchers) e USk Raia  (o 19º encontro dos urban sketchers da Raia).


 E se não houve mais desenhos foi porque estava mesmo muuuuito calor.

7 comentários:

Fernanda Lamelas disse...

Muuuito bonitos, Filipe!

nelson paciencia disse...

Também gosto muito!

Ketta disse...

Boooolas!

Rodrigo Briote disse...

Bela reportagem

Procópio António disse...

Está excelente!

Celeste Vaz Ferreira disse...

Fabuloso Filipe! Bela reportagem!

Luís Ançã disse...

Muito interessante ver teu caderno repleto de desenhos maravilhosos.