Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

O Essencial do L Menino de Deus

O essencial que quiz retratar do Largo do Menino de Deuas, na atualidade, foi: a Amália, claro!
Pena que não tenha ficado parecida, mas acho que pelo menos consegui traçar a força que ela transmitia.
Tudo o resto é propositadamente leve para permitir o contraste...à excepção (talvez) daquela árvore que teimou em impor-se.

6 comentários:

Membro USkP disse...

A Amália está muito gira e pelos vistos havia mais 3 pessoas a achar que sim !

João Carvalho

Membro USkP disse...

É mesmo (e estava um frio de rachar...que faria se não estivesse ;-))

Suzana disse...

Que diferente está este lugar... quando aqui estive a desenhar, não havia Amália, mas havia uns contentores de lixo muito mal cheirosos e era tudo muito sujo...Pelo desenho está bem mais bonito!

Membro USkP disse...

Gosto da Amalia!
Leonor Janeiro

Jrosa disse...

Está mesmo muito bom!

Ana Carvalho disse...

Tudo resulta muito bem, a leveza da aguarela com a figura central da Amália... linda homenagem, à fadista e à 'cidade antiga'!