Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Lisboa Antiga XVII - Afinal não era o último...


...e pensava eu que o XVI era o último, tipo os D'ZRT que acabam para depois... ah não,  afinal não acabámos.  Aqui o caso é o mesmo uma vez que ainda temos até ao fim do mês para caçar "Roquemons" (nome dado pelo Pedro Loureiro). Aqui fica mais um, feito na agradável companhia do Pedro Loureiro e da Fernanda Lamelas. Rua das Farinhas na Mouraria em Lisboa.

10 comentários:

teresa ruivo disse...

Sem palavras...

Ana Luz disse...

Lindo! Adoro o jogo de cores / sombras.

nelson paciencia disse...

Outro extraterrestre...

Pedro disse...

Ainda bem que voltaram ao assunto. Todos ganhamos com isso.

AB disse...

inebriante!...

André Duarte Baptista disse...

As cores estão incrivelmente bonitas. Parabéns

Marcelo de Deus disse...

Eu acho estes desenhos do Pedro assombrosos

Celeste Vaz Ferreira disse...

Gosto francamente destas cores das sombras e da perspectiva. Fantástico!

Pedro Alves disse...

Muito obrigado a todos ;)

Suzana disse...

Está fantástico, a textura das cores é linda!