Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blog só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

segunda-feira, 9 de abril de 2018

Moinhos

A estrutura e o engenho parece simples mas o moinho possui muita tecnologia que ao longo dos anos se foi aperfeiçoando, desde a forma dos búzios e das cabaças que assobiam ao sabor do vento, ao sistema mecânico interior de moagem, e à adaptação com motor para quando não há vento.
"Sim, porque um moleiro não pode estar sempre à espera do vento, às vezes tem de ligar o motor." dizia o Sr. Constantino, com olhos de moleiro, passando o tempo a olhar para as velas e para as nuvens que se aproximavam lentamente.
Alguns dos meus registos no Dia Nacional do Moinho:
Moinho do Casal do Frade

Detalhe do Moinho dos Caixeiros

1 comentário:

André Duarte Baptista disse...

Excelente, tanto na panorâmica geral como no detalhe. Está um mestre