Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blog só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

domingo, 25 de março de 2018

Arco do Cego

Durante a hora de almoço, troquei os móveis do metro pelos imóveis, que já tinha saudades de desenhar.



14 comentários:

nelson paciencia disse...

Vai-te lixar pá!

nelson paciencia disse...

Que grandes desenhos...

Suzana disse...

Ai que espetáculo, adoro!!

Rosário disse...

Que espectáculo!

Marilisa Mesquita disse...

UAU! que assombro de desenhos!! Adoro!

João Santos disse...

Obrigado gente! :D

Pedro Alves disse...

Muito bons!! Aquele primeiro edificio (um aborto autêntico diga-se) era o cenário para tantas tarde de imperiais a 0.45€ na tasca!

hfm disse...

Gosto. Muito. E conheço muito bem o local.

ceguinho da pova disse...

Muito, muito, muito, muito bons! (João Coutinho)

Pedro Loureiro disse...

Cum catano!!!

Manuel Tavares disse...

Muito bons!

Marcelo de Deus disse...

Sempre a elevar a fasquia!!!

João Santos disse...

É sempre bom ler as vossas opiniões, obrigado :)

Vicente disse...

Desenhos que se colam à retina