Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

terça-feira, 4 de julho de 2017

Uma hora de trabalho (ou de lazer)

O meu filho sentado e concentrado na playstation é bem mais fácil de desenhar...
Quanto à mesa da televisão,  tem mais de 50 anos; pertenceu a um antigo chefe de um certo serviço e  foi salva de ir para o lixo há uns anos; hoje devidamente restaurada e pintada...mas por mais parada que estivesse...entortou um bocadinho!