Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

domingo, 18 de junho de 2017

Sete Cidades

Sentei-me no pontão a desenhar enquanto o meu filho se divertia a chafurdar na água. Entretanto ouviam-se, para além dos sons da lagoa,  pessoas diversas. Alguém atrás de mim: «já viste bem, há lá coisa mais bonita do que a nossa terra?».
A encosta da Lagoa das Sete Cidades é, realmente, grandiosa tão envolvente... 
(Caneta caligráfica, Lápis de cor, marcador, grafite e carimbo)  

2 comentários:

Ketta disse...

Já te disse, mas repito: MUITO BOM!
Gosto muito!

Alexandra Baptista disse...

obrigada Ketta :)