Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

sábado, 3 de junho de 2017

Faculdade de Ciências_Campo Grande _Lisboa

DG_FAC CIÊNCIAS_ABR17: o exterior dos edifícios na Cidade Universitária, Lisboa.

No dia 2ABR17 os USKP  foram convocados para desenharem na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. 
UM DOS  PATAMARES DO EDIFÍCIO, junto à BIBLIOTECA
EQUIPAMENTO Á DISPOSIÇÃO NA BIBLIOTECA
Nesse encontro de domingo, tivemos uma visita guiada encaminhada pelo Prof Doutor Pedro Ré, Seguidamente, findo o conhecimento do espaço comecei a desenhar. Iniciei pelas escadas exteriores de cor azul. Depois seguiram-se o anfiteatro, a biblioteca e, no laboratórios  registei os vertebrados seguintes, mortos e devidamente acondicionados.

A. NO EXTERIOR DO EDIFÍCIO

1. AS ESCADAS

  2. O PATAMAR



B.NO INTERIOR do LABORATÓRIO


PLEURODELES
LIMULUS 
Várias exemplares de vertebrados
SQUAMATA (Reptília
ANURO
SQUAMATA (Reptilia)
Craneo da RAPOSA


Craneo da RAPOSA (as duas peças), em várias posições

CRANEO DO CAVALO

Enquanto me mantive no Laboratório, decorreram algumas aulas. Foi muito agradável estar em contacto com os jovens. Alguns mostravam-se curiosos com o que eu estava a fazer. Fizeram perguntas, viram o meu diário gráfico. Neste contexto considero  um aspeto bastante positivo  ao inteirarem-se das particularidades do desenho.
Para além do Prof Doutor Pedro Ré, agradeço também a atenção que a Prof Doutora Paula teve comigo, prestando informações várias.
Uma pequena referência positiva ao Pessoal de Segurança pelo paciente serviço de atendimento.
Deixo assim o meu contributo com alguns dos elementos feitos e escolhidos nesse tema.

5 comentários:

Isabel Alegria disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Isabel Alegria disse...

Zeta, fizeste alguns desenhos muito interessantes. Gosto muito das salamandras e do crânio de cavalo.

jeanne disse...

os bichos ficaram mesmo vivos! adoro os pleurodeles cheios de si próprios.

Rosário disse...

Que boa reportagem!

Isabel Rodrigues disse...

Zeta isto está giro mas não terá publicado este trabalho 2 vezes?....