Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quinta-feira, 15 de junho de 2017

10x10 Lisboa miradouro N S do Monte - Pedro Loureiro

Foi muito gratificante este encontro, pelo professor, pela aprendizagem e pelo grupo.
No primeiro desenho, skyline de Lisboa, destaquei as igrejas, no segundo, desenhar de baixo para cima concentrei a minha atenção numa casa junto as muralhas do castelo e, na ligação entre uma pessoa e a cidade, representei uma turista que perguntava qual o nome do miradouro em frente.
Estes exercicios são uma magnífica maneira de treinar a observação.
Leonor Janeiro

10 comentários:

Pedro Ribeiro disse...

Gosto muito Leonor!

teresa ruivo disse...

Belos exercícios!

Ana Resende disse...


Belos desenhos!

Maria Leonor Janeiro disse...

Colegas e amigos destas andanças, foi um fim de tarde muito bom e produtivo com musica ao vivo a animar o miradouro.
Leonor Janeiro

Celeste Vaz Ferreira disse...

Que bem resolvidos estão estes desenhos, Leonor!

Ketta disse...

Gosto muito da composição da segnda página!

USKP disse...

Muito original o skyline com as plantas de praças Lisboetas.
Muito bem conseguidos os três desafios!

Fefa

Fernanda Lamelas disse...

Bem giros!

Pedro Loureiro disse...

é um belo caminho, o que fizeste até ao Ninho da Águia!
E gostei muito do pormenor dos estudos das praças no exercício do skyline

Isabel Rodrigues disse...

Deve ter sido um belo encontro de sketchers. O resultado cá está a comprová-lo!