Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Festival Internacional da Máscara Ibérica - parte II

A Real banda de Gaitas de Oviedo, Espanha, era uma das presenças constantes durante o Festival. No final de cada atuação, paravam em frente ao stand de Oviedo e dançavam ao som das gaitas.

 
 

 
A bruxa "Destrozona" figura principal do entrudo de Oviedo. Esta máscara não desfilou mas estava exposta no stand da localidade.
 
 
Já cheguei um bocadinho tarde a esta pequena atuação dos Galandum Galandaina, mas deu para fazer alguns registos.
 
 
Ao final da tarde se sexta, atuou no palco Ibérico a Orquesta de Foles com a sua contagiante musica cheia de ritmo!
 
 

7 comentários:

DiasVanda disse...

Grande Suzana que conseguir "feezar" esta malta das máscaras! Belos registos!

hfm disse...

Que reportagem!

Rosário disse...

Grande reportagem!

Cecília Mendes disse...

Muito bom

Celeste Vaz Ferreira disse...

Belissimo Suzana!

zeta disse...

Registos muito interessantes.

zeta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.