Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quinta-feira, 11 de maio de 2017

esperando o metro e dentro dele

já era tarde, havia pouca gente à espera. dentro da carruagem, um senhor com ar de monge tirou da mochila um calhamaço americano e caiu nele como num poço.

5 comentários:

teresa ruivo disse...

Fraquito, como sempre :))

Celeste Vaz Ferreira disse...

Adoro!

DiasVanda disse...

Esta técnica que nos ensinaste na EDP nunca te deixa ficar mal. Bolas, que desenhão ... Tudo conflui na direção do Muito BOM!

Jrosa disse...

Adoro o desenho e o texto.

jeanne disse...

Obrigada!