Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

domingo, 23 de abril de 2017

Sácre Coeur


Em Mont Martre, enquanto o dia se ía, Paris presenteou- nos com um magnifico nascimento da lua. Para assistir ao espetáculo juntaram-se muitas pessoas... a cidade é verdadeiramente cosmopolita, ouvem-se diferentes idiomas, esperemos que depois das eleições assim se mantenha.


(Caneta caligráfica, carimbo e marcador)                                                                                                                                          |«in situ»|

5 comentários:

hfm disse...

Com um bocadinho de inveja, ou será muita? ;) ando a ver estes desenhos magníficos.

Alexandra Baptista disse...

( º J º)

jeanne disse...

o primeiro é fantástico!

José Louro disse...

Like!

André Duarte Baptista disse...

que belas composições. parabéns