Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

segunda-feira, 13 de março de 2017

Workshop com Nuno Saraiva II


A tarefa era simples: desenhar o largo do Rato e tentar captar todo aquele caos da hora de ponta. Numa manhã de sábado há pouco trânsito, mas dá para imaginar toda aquela vida. Foi nesse espírito que captei o ambiente do largo como se, de repente, a Broadway fosse ali, e no cimo dos edifícios houvesse cartazes, gente apressada e, claro, os amigos Sketchers a desenhar em primeiro plano.