Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quinta-feira, 20 de outubro de 2016

Rua Augusta

       A rua Augusta estava linda.
      As pessoas moviam-se dentro da bolha de música do violoncelo  deste rapaz...


11 comentários:

Marilisa Mesquita disse...

Magnífico!!!

Rodrigo Briote disse...

A Rua Augusta é mesmo isto

nelson paciencia disse...

Que máquina que esta rapariga é...
:)

Fernanda Lamelas disse...

Teresa, já nem sei que comente! Isto é desenhar com o coração!

jeanne disse...

a rua, e o teu desenho!

Pedro Alves disse...

Bom! Belíssima composição!

Membro USkP disse...

Que beleza, Teresa!
Desenhas mesmo com o coração!...Vê-se perfeitamente!

Paula Cabral

Marcelo de Deus disse...

Augusta, a primeira.
Lindíssimo Teresa.

Rosário disse...

Lindíssimo!

teresa ruivo disse...

Que simpáticos...Obrigada.

Vicente disse...

Lindíssimo