Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

avó



8 comentários:

teresa ruivo disse...

Adoro Cláudia!

Maria Celeste disse...

...tb eu gosto tanto de ver o carinho desenhado...

nelson paciencia disse...

Adoro este post!

Eduardo Salavisa disse...

Também eu!

Membro USkP disse...

Um professor uma vez disse-me "desenhar é sentir".
Não podia estar mais de acordo depois de ver este post fabuloso!

João Carvalho

Membro USkP disse...

Que belas páginas! Para além de conseguires transmitir através delas todo o carinho que tens pela tua avó (o que já é genial!), consegues uma perfeita harmonia entre desenho, lettering (adoro esse desenho de letra!), paginação...é mesmo de MESTRE, Cláudia!

Paula Cabral

Rosário disse...

Gosto muito!

Fernanda Lamelas disse...

Bonita homenagem à tua avó!