Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blogue só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

domingo, 29 de janeiro de 2012

Quinta das Conchas




Uma manhã soberba e a tinta da China a querer brincar com o papel!

7 comentários:

Ad astra disse...

soberbo este desenho

José Barreiros disse...

Muito boa a àrvore. Gosto muito.

Manuela Rolão disse...

Especialista em árvores: Helena! Ela parece espreitar para dentro do teu caderno...

Maria Celeste disse...

...a tinta da china assusta-me...
....mas a arvore ficou tão espiritual...

B.Braddell disse...

a brincar a brincar sai isto!!!uma "coisa" séria demais para brincadeira!!!gosto muitooooo!!!!:)

claudio patanè disse...

superbe!!!! Helena!!!
é uma gravura oriental...magnifico!!! parabéns!!

Rosário disse...

As árvores estão cada vez melhores! Vale a pena trabalhar!