Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Travessa da Portuguesa


Este sítio é facilmente visto por quem vai para o miradouro do Adamastor. Visto de cima é impressionante, já que as escadas parecem acompanhar um vale que é bastante profundo, rasgado, lá em baixo, pelos carris estridentes do Elevador da Bica. Mais impressionante é imaginar que este vale já foi monte, bem alto até! Tão alto que se chamava Pico de Belveder, ou Monte de Santa Catarina de Monte Sinai. Ao que parece, o terramoto de 1597 fez desabar o monte. Do pico, ficou só o nome da freguesia. E um vale que, 400 anos depois, consegue ser um dos postais de Lisboa.

3 comentários:

Pedro disse...

Estou aprendendo. Também com o desenho, que é muito bonito.

Rui Grilo disse...

Belo desenho, parabéns!

Membro USkP disse...

Não só os desenhos são fabulosos como todas as sínteses históricas enriquecem e contextualizam a cena em questão.
O resultado é de facto soberbo!

João Carvalho