Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blog só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

terça-feira, 1 de maio de 2018

Agenda dos Sketchers - Maio 2018

Editorial

Reeleita a direcção dos USkP, e com novos membros - Saem Pedro Loureiro e Vicente Sardinha, entram Rita Catita e Filipe Pinto, está na altura de continuar as tarefas em mãos e de enfrentar novos desafios. O Luís Frasco faz-nos um resumo da Assembleia Geral, o Pedro Cabral conta-nos a sua residência artística em Abrantes, e o Paulo Mendes mostra-se entusiasmado com o seu papel de correspondente internacional no Simpósio do Porto. A primavera continua cheia de oficinas e formação, para quem queira aprimorar as suas técnicas de observação.
Bons desenhos!
A equipa da Agenda

AGENDA DOS SKETCHERS
Maio 2018

14 de Abril foi dia da Assembleia Geral
Por Luís Frasco
14 de Abril foi dia da Assembleia Geral da nossa Associação. Oportunidade de rever amigos e, mais importante, momento de balanços e de perspectivar o nosso futuro enquanto grupo de sketchers com objectivos comuns. E já somos 270!!!
Aproveitamos para saudar todos os que estiveram presentes e aqueles, que não podendo comparecer, se fizeram representar nesta reunião.
A direcção, a finalizar o seu mandato de 2 anos, partilhou as iniciativas realizadas em 2017, das quais destacamos a participação no Festival Latitudes em Óbidos, a série de workshops  “Um Ano a Desenhar para o Futuro” integrada na programação da LISBOA CAPITAL IBERO-AMERICANA DE CULTURA e, naturalmente, a vitória da candidatura para a realização do Simpósio USk deste ano no Porto.
Mostrou ainda o que se propõe fazer no novo mandato para que foi de novo eleita que, além do Simpósio que irá marcar o ano, incluirá assegurar a periodicidade dos novos “Desenhar por Desenhar” no 1º domingo de cada mês, do “Vamos Desenhar com”, colaborar em vários livros em preparação com os desenhos dos urban sketchers (Lojas com História, Lisboa Oriental, Óbidos), participar no Latitudes 2018 e no Folio, além de vários encontros e exposições.
Resta-nos agradecer o apoio de todos e a confiança depositada no nosso trabalho. Contem com o nosso empenho! Like Agenda dos Sketchers - Maio 2018 on Facebook
Caderno de Abrantes
Por Pedro Cabral
O convite para uma “residência artística” deixou-me com água na boca durante meses. A expectativa era tão grande que corria o risco de se transformar numa desilusão.
Nada disso! Foi o melhor possível.
Muito bem recebido por todos os Abrantinos também eles ansiosos por me mostrarem a terra e me contarem as suas histórias. Gozando, com todas as ganas, a possibilidade de passar uma semana descobrindo e desenhando a Cidade na medida em que os motivos e as folhas do caderno se atraíam.
Enquanto caminhava e olhava a cidade pensava como seria o texto que a Raquel Ochoa iria escrever e, também aí, o resultado foi o melhor. Um conto que me transporta sempre à Abrantes que descobri nestes dias.
Vai crescendo o encontro anual CADERNOS DE VIAGEM DE ABRANTES que, para nós, são cadernos desenhados e, independentemente dos resultados, é isto o verdadeiro urban sketching: “ (descobrir e) ver o mundo, um desenho de cada vez”.
Fica um agradecimento a todos os que proporcionaram esta possibilidade e a certeza de que não falharei nenhuma das próximas edições. Like Agenda dos Sketchers - Maio 2018 on Facebook
Corresponder a um desafio
Por Paulo Mendes
Quando se soube que o Porto acolheria o Simpósio em 2018, a ideia de ser correspondente nem sequer me ocorreria: Os meus desenhos focavam-se sobretudo em lugares e o modo “reportagem”, essencial para tal empreitada, não passava ainda de algum apontamento desgarrado.
Isso entretanto mudaria, acabando eu por achar que encaixava no perfil e que seria quase “pecado” não tentar a minha sorte. Quantas oportunidades destas aparecem, ainda para mais na própria cidade?
O concurso elencava uma intimidante série de directrizes: Disponibilidade, aptidão tecnológica, domínio aceitável do Inglês, etc. Captar o evento e publicar no blog internacional é tarefa já de si exigente à qual acresce, para o correspondente local e conhecedor da cidade, a responsabilidade extra de orientar, guiar, facilitar tanto quanto possível o trabalho dos outros colegas.
Mas com tempo e cuidado investidos na preparação, e uma boa carga de optimismo, a candidatura lá seguiu.
Foi naturalmente com entusiasmo que recebi a boa notícia ainda em Março, e desde então antecipo o que aí vem: Dias intensos, estar em vários sítios ao mesmo tempo, responder a múltiplas solicitações, e ao fim do dia ter ainda que preparar e publicar a respectiva reportagem; Uma grande prioridade será garantir que as minhas ilustres colegas, Rita Sabler e Marina Grechanik, ao contrário de mim já veteranas em Simpósios, tenham o melhor acolhimento e orientação.
Pelo meio, o desenho será sem dúvida a parte “fácil”... Mas mal posso esperar!
Tenho recebido preciosas dicas de quem já esteve neste papel. Se a minha tarefa como correspondente efectivamente corresponder, espero um dia fazer o mesmo por futuros candidatos. Até lá, o meu conselho é o de sempre: Desenhem muito, todos os dias: Coisas boas acontecem quando se desenha! Like Agenda dos Sketchers - Maio 2018 on Facebook

Entrevista a Filipe Pinto
Filipe é o associado nº 21, técnico de informático e o próximo editor da agenda dos sketchers.
Filipe, desenhado por Manuela Rolão
Há quanto tempo desenhas?
Desenhei ocasionalmente na escola e depois no computador quando apareceram as primeiras aplicações de desenho gráfico. Era fã do Freehand para desenho vetorial e do Pagemaker para paginação electrónica até a Adobe comprar tudo e eu redescobrir o desenho à mão.
Há quanto tempo és USk?
Praticamente desde o primeiro workshop que fiz em 2012. Ao contrário de outros cursos, onde não encontrava sequência para o conhecimento que adquiria, nos workshops de urban sketching senti um estímulo forte para continuar a praticar fora da sala de aula. Depois fui fazer um curso de desenho para compreender algumas técnicas básicas.
O que/quem mais inspira os teus desenhos?
Para alimentar o hábito de desenhar tinha que encontrar temas próximos e de fácil acesso. Escolhi desenhar a cidade onde vivo e onde circulo. As lojas, os bairros, as pessoas, o equipamento urbano, o trânsito, procuro a inspiração assim que saio de casa.
O encontro USk mais marcante?
Lembro-me bem do encontro da Praça de Londres, que foi muito concorrido. Já estava a começar a perceber o que era suposto fazer-se num encontro. Tinha um tema, estava por minha conta e tinha total liberdade para escolher o que desenhar e como desenhar. Parece simples mas na altura ainda hesitava muito na altura de tomar decisões.
Que materiais preferes usar?
Começo os desenhos pela linha e depois coloco a cor. No início do ano resolvi experimentar as canetas de tinta permanente. Uso as aguarelas mais para dar o ambiente ao desenho. Duas aguadas bastam. Não uso papel de gramagem muito alta. Habituei-me ao formato A4 a desenhar em pé na rua. Like Agenda dos Sketchers - Maio 2018 on Facebook
Colabora com a Agenda dos Sketchers
Estamos sempre à procura de histórias de encontros e actividades dos urban sketchers em Portugal. Se gostavas de ver a tua história aqui, pergunta-nos como podes fazer, enviando um email para uskp.regionais@gmail.com.
Torna-te associado dos USkP. Descobre como aqui.
Gosta da página de Facebook dos USkP Like https://www.facebook.com/uskportugal/ on Facebook

ACONTECE EM MAIO

Encontros

05-05 | Ponte de Lima | Sketching com história | Comunidade Intermunicipal do Alto Minho, USkPN e USkP
06-05 | Lisboa | Desenhar por desenhar | USkP
19-05 | Évora | Heritage indoor sketchers | ÉSk e Fundação Eugénio de Almeida
26-05 | Lisboa | Encontro Nacional-Museu Nacional dos Coches | USKP, Museu Nacional dos Coches e Direcção Geral do Património Cultural 

Formação

02-05 | Lisboa | 10x10: Clean lines are (not) so simple | Luís Ançã​, convidado por Nelson Paciência | USk
05-05 | Lisboa | Micro, Mega, Giga, Tera | Ponto a ponto, enche o desenho a página | Mário Linhares | Fundação Calouste Gulbenkian
05-05 | Lisboa | Vamos desenhar com... | Isa Silva | Museu Arqueológico do Carmo e USkP
09-05 | Lisboa | 10x10: Frame vertically | Pedro Cabral​, convidado por José Louro | USk
12-05 | Lisboa | Alfabeto Lisboeta: nos limites | Mário Linhares | Cais do Sodré
12-05 | Évora | Heritage indoor sketchers | Mário Linhares | ÉSk e Fundação Eugénio de Almeida
16-05 | Lisboa | 10x10: How to bring urban masterpieces in your sketchbook! | Guida Casella | USk
19-05 | Lisboa | Alfabeto Lisboeta: nos limites | Ketta Linhares | 24 de Julho-Dom Luís I
23-05 | Lisboa | 10x10: Sketch like a filmmaker | Francisco Costa​, convidado por Pedro Loureiro | USk
26-05 | Lisboa | Alfabeto Lisboeta: nos limites | Ketta Linhares | Santos Design
30-05 | Lisboa | 10x10: The travel sketchbook | Mário Linhares | USk

Desafio 88 - Varandas

O desenho mais comentado no desafio do mês de Abril é da autoria do Henrique Vogado, que esteve numa das mais belas varandas de Lisboa.
Copyright © 2018 Urban Sketchers Portugal, Todos os direitos reservados

1 comentário:

teresa ruivo disse...

Parabéns Henrique! O blog está lindo!
Parabéns Filipe! Ficamos cheios de curiosidade de ver as próximas agendas!Força!
E parabéns Paulo! Deves estar muito orgulhoso! E nós estamos contentes porque a tarefa fica nas melhores mãos:)