Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blogue só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

segunda-feira, 31 de março de 2014

A musa do mês

Este mês que passou voltei a apaixonar-me pela grafite (eu sou mais menina de caneta) e fiz umas coisas que não são muito o meu estilo, mas que o caderno que é só meu perdoa.
Espero que vocês não estranhem muito! ;)




10 comentários:

nelson paciencia disse...

Imperdoável de facto...
:)

Suzana disse...

A grafite dá uma expressão única, ficaram fantástico, o caderno deve ter adorado :)

USkP Convidado disse...

Tão bonito!

Dina Domingues disse...

gostei muito, esta semana também me deu para o grafiti :P será da chuva ?

hfm disse...

Belos registos!

Rosário disse...

A grafite é fantástica e os desenhos estão igualmente fantásticos! Gosto do desenrolar dos desenhos!

Luis Gabriel Marques disse...

Muito expressivos! Gosto bastante, especialmente do segundo. Parabéns Sofia!

Manuela Rolão disse...

Gostei muito! Retratos intensos em expressão.

Maria Celeste disse...

...muito bom...

António Procópio disse...

Gosto muito da força que deste aos retratos!