Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blogue só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

verão 2012_04_madonie tour_Sicilia_Itália

igreja Santa Anna_ruínas do castelo (1.077 m.l.m)_monte Etna no fundo_Geraci Siculo_Palermo

oliveira_Castelbuono_Palermo
...não ha paz entre as oliveiras...
"Chegai aqui a costruir um pequeno pedaços de liberdade. Trabalhar nesto espaços, significa observar e aprender firmemente, para trazer conosco algo de verdadeiramente puro e genuíno que vale a pena de ser assimilado."
(José Ortega)

Castello dei Ventimiglia_Castelbuono_Palermo
"...mas o que deu toda a graça incomparável foi umo intenso vapor, espalhar uniformemente sobre todos, em um efeito ainda mais notável como os objetos, a curta distância uns dos outros, destacou-se graças a um tom de azul claro, de modo que tanto suas cores verdadeiras acabou sendo perdido ou tinha que olhar para os menos intensamente em tons de azul.."(J.W.Goethe)

caderno: Laloran

10 comentários:

Cesar disse...

Belos desenhos!

Unknown disse...

Quem me dera conseguir utilizar a aguarela dessa forma! :)

Espectacular!

Maria Celeste disse...

...gostei tanto dos desenhos e dos escritos...
...é um sonho que entra pelo olhar...

Ketta disse...

Grande Cláudio!

Depois de ver estes desenhos no blog e no facebook, fiquei mesmo desejosa de ver o caderno grande ao vivo!!

Fantástico :)

Rosário disse...

Vamos deambulando por aí com estes desenhos! Belíssimos!

Manuela Rolão disse...

Claudio, gosto sempre dos teus trabalhos apresentados com a foto do lugar.A tua terra é muito rica em locais apetecíveis para desenhar...

cláudia mestre disse...

Fiquei fascinada pelos desenhos! Que lindos! Gostei de todos mas o da mediterrânica oliveira está mesmo maravilhoso... As oliveiras são magníficas esculturas da natureza e cheias de simbologias especiais. Gosto tanto delas e nunca desenhei nenhuma...

Mário Linhares disse...

Fantástico trabalho Claudio, fantástico!

claudio patanè disse...

obrigado a todos!!! amigos portugueses!!!gosto de entrar mesmo lugares da minha terra como a terra portuguesa...

grande abraços!!!

Angela Piedade disse...

Olá Cláudio, com os teus belos desenhos, o teu espaço de liberdade poética, na forma e na cor que usas. Imagino que ao desenhares, te recordes de nós, de como gostamos de ti e das saudades que nos deixaste...Portugal, também é a tua pátria afectiva. Quando um dia regressares a esta Lisboa, as cores serão outras, as do reencontro, serão tons maravilhosamente quentes. Beijinhos