Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blogue só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

terça-feira, 29 de maio de 2012

Praia da Torre - Oeiras

Um café sábado depois de almoço com a preguiça no corpo não me apeteceu e não quis rabiscar, guardei o sítio, os cheiros e o momento a dois.
Fiz o rabisco mais tarde em casa, sem rigor sem exactidão só com o que a memória trouxe.

Ás vezes as regras são feitas para serem quebradas.(Sorry)

2 comentários:

Rosário disse...

Fazer assim desenhos de memória é um bom exercício, difícil! Acho que ficou muito bem!

Manuela Rolão disse...

Concordo com a Rosário! Que boa memória de um lugar bonito...