Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blogue só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

domingo, 10 de novembro de 2013

O triciclo das castanhas

O triciclo e a boina
mais o raio do frio
as castanhas a jeropiga e a toina
um desenho sem muito brio :)


6 comentários:

hfm disse...

Gosto muito da subtileza deste desenho.

Pedro disse...

Não sei do brio nem do frio, mas desenho e palavras são excelentes !

Manuela Rolão disse...

Brilhante!
Com os vazios a dar a adivinhar o que está e não está e a cores lembrando os dias ainda luminosos de outono...

Suzana disse...

Muito bom, o essencial!

Filipe LF disse...

Agora além de Poeta Gráfico deu em versejador?
Não faltam talentos ao amigo Zé;
Assim até parece fácil...

Rosário disse...

Não é preciso mais! Gosto!