Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

sexta-feira, 6 de março de 2015

COLAGENS NA CASA JOÃO DOS RIOS

Frequentemente as pequenas coisas parecem fáceis. Contudo, sempre há algo que se pode aprender um pouco mais...

E assim foi num workshop com a Mst ANA LUÍSA FRAZÃO, na Casa João dos Rios.

Técnica também a inserir em diário gráfico. Materiais: entre outros, diferentes suportes, papéis de várias qualidades, de cores, recortados, colados, lápis de cor, canetas e aguarelas.

                                                                   Fig 1. OS APETRECHOS DE COZINHA DA CELESTE

                 Fig 2. AONDE ESTÃO AS, PANTUFAS ? PERGUNTOU A ANA.

Fig 3. O BARQUINHO DA CELESTE

Grande Circo Místico


quinta-feira, 5 de março de 2015

Desafio 52 - Focado-Desfocado


O desafio de Março é mesmo um desafio! Pensei num desenho com cenário desfocado e foco num personagem. Na viagem de barco ao final da tarde vi alguns passageiros concentrados nos telemóveis e lembrei do sentido de focado como concentrado numa tarefa. Fiz o desenho e depois quis colocar os personagens desconcentrados. O resto foi saíndo da minha cabeça, desde o adormecer do passageiro (acontece muito) até deixar caír o telemóvel no chão (situação extrema).
Uma rapariga que ia do lado da janela, também com o telemóvel na música, focou a sua atenção no meu desenho, mas sempre discreta. 
Espero não me ter desfocado do desafio...

Desenhar a zona da Sé de Lisboa

O “Atelier Ponto de Luz” convidou-nos para expor no seu espaço, no Largo de Santo António da Sé, de 26 de Março a 17 de Maio. Aceitámos o convite e marcámos um Encontro para desenhar na zona da Sé de Lisboa no dia 15 de Março (domingo) pelas 15horas. Quem quiser desenhar o atelier pode fazê-lo no seguinte horário: de segunda a quinta, das 14h às 20h e à sexta das 14h às 17h. Os trabalhos (se possível originais) e os Diários Gráficos devem ser entregues até ao dia 18 de Março.

Passeio Matinal em Torres Vedras


Dia 10 de Junho, um dos poucos feriados que ainda nos restam, dar-se-á inicio ao Encontro Internacional de Desenho de Rua integrado no programa Arte@Centro em Torres Vedras. Uma espécie de simpósio que vai contar com muitas caras conhecidas do sketching nacional, brasileiro, espanhol + eu, o outsider ;) Como serei eu a abrir as hostilidades, neste largo em particular, aproveitei para passar por lá com "olhos de ver" e ensaiar um possível exercicio para castigar a malta. Não sei se será esse, terei de passar por lá mais vezes antes do café matinal diário.  
No encontro na Mãe d'Água com muito vento e algum frio  fiz esta colagem sem deixar fugir os papéis que queria colar, ...  mas foi por pouco que não voaram todos!!!

Rabiscos para o Almoço

Um dos meus museus preferidos em Lisboa é o Museu da Carris. Não apenas pelos maravilhosos objectos expostos (eléctricos e autocarros... reais!), mas também pela simpatia e eficiência dos funcionários. Ao contrário do que é "normal" por aí parecem genuinamente felizes por nos verem espalhados pelas salas a usufruir daqueles espaços.

Um destes dias fui lá perto tratar de um assunto e, "entre ir num pé e vir no outro" rabisquei este eléctrico "pairante"... Quando cheguei a casa descobri que a Carris comemorava 142 anos nesse dia. Uma feliz coincidência!


Passeio matinal

 

 

 


O passeio matinal nas Conchas seguido de desenho na Quinta dos Lilazes para começar o novo diário gráfico que encadernei e que também teve honras de aqui vir parar!

As laranjas que vieram de Galveias


Homem no metro


Sri Lanka

Esta é a minha primeira publicação nos USkP.

Comecei a desenhar no ano passado e, desde então, os cadernos pintados a caneta e aguarela têm sido os registos das minhas viagens.

Deixo alguns do Sri Lanka, feitos num Moleskine e num caderno de argolas A5:






Ainda a Dança no Conservatorio





Começo pela prof.Hiroko, com Nuno Feist ao piano. Seguiram-se exercicios e depois o ensaio de uma peça. ( Não sei porque o desenho do tablet também ficou a dançar por aí...)

Mais Circo...

Quando fui pela última vez ao Circo e havia trapezistas, tentei desenhá-los fazendo um primeiro esboço, sem levantar a caneta e sem tirar os olhos deles...Mas foi muito difícil...
 Depois, em desenhos soltos, tentei captar movimento, e a sensação de os estar a ver por baixo. Ficou assim...

UM ANO A DESENHAR PARA O FUTURO 14 Março 'colar no desenho'

Com um título diferente cada mês, o tema da oficina de dia 14 de Março na Casa-Atelier Vieira da Silva é COLAR NO DESENHO , para quem ainda está a pensar ......... está na altura de se inscreverem aqui.

No próximo dia 7 nas Caldas da Rainha

Pediram-me para divulgar este concurso: 
O Quiosque da Praça, integrado no seu evento de inauguração, levará a cabo um concurso de desenho livre, aberto ao público em geral.
- O concurso intitula-se “Desenha-me um Quiosque” e decorrerá no dia 7 de Março, a partir das 15.30h.
- Para concorrer deverá inscrever-se, enviando um email para quiosquedapraca@outlook.pt,
Na Praça da Fruta das Caldas da Rainha mais informações aqui.

quarta-feira, 4 de março de 2015

Barco-bar junto ao Tejo


Ao final da tarde, junto ao cais das colunas em Lisboa, um barco foi colocado para servir de bar e servir umas bebidas a quem quer a ver o rio e o pôr-do-sol. Umas espreguiçadeiras e uns bancos de madeira para o momento ser mais confortável. Este verão vai ser um dos spots.

Mãe d'Água das Amoreiras


Escola de Dança do Conservatorio




 
Aguardando o inicio da aula e exercicios de aquecimento...

Zurique, entre o lago e as montanhas

Com o calor que esteve hoje e parece antecipar a primavera, é estranho voltar atrás um mês e partilhar os três desenhos com que registei a minha passagem por Zurique. Depois de dois dias de trabalho, aproveitei um par de horas antes de ter de seguir para o aeroporto para desenhar. Estavam quase zero graus de temperatura, por isso desenhei sempre com luvas e rapidamente. Durante o voo de regresso acrescentei a cor, confirmando mais uma vez que os pinceis com reservatório de água merecem estar na lista das melhores invenções das últimas décadas. :)



Encontro Urban Sketchers do Algarve - Monchique


Desenhar nas estilas

É o tempo mágico das estilas. O medronho apanhado no Outono, e que ficou a fermentar todos estes meses, vai ser destilado.
É tempo de acender a fornalha, colocar umas caldeiradas de medronho no alambique e fazer jorrar a aguardente. Saborosa, cheirosa, apaladada e inebriante.
É tempo de ouvir histórias velhas e novas, de pôr as conversas em dia, ao longo das noites e dias que dura a destilação do precioso líquido.
Por isso vos convidamos para, num primeiro momento, vir desenhar acompanhando a laboração da estila durante a noite. Poderão trazer algo para petiscar e um saco-cama ou manta para pernoitar.
Num segundo momento, durante o dia, à continuação da destila da aguardente. O almoço será na própria adega, dividindo-se a despesa. Pode trazer mimos para a sobremesa.
PROGRAMA
6ª feira, dia 13 Março 2015
21.00 h - Encontro no Largo dos Chorões, no exterior da Junta de Freguesia.
21.30 h. - Início das hostilidades numa destilaria (estila) nos arredores de Monchique. Trazer saco-cama ou cobertor para dormir.
Sábado, dia 14 Março 2015
10.00 h - Encontro junto ao Intermaché, entrada de Monchique. partida para uma outra estila, para visitar e desenhar.
12.30 h - Deslocação para a estila onde se vai almoçar e desenhar.
Devem confirmar a participação para o email: boto.com@gmail.com, até ao dia 12 de Março, para encomendar o almoço.
Urban Sketchers do Algarve • Associação MEMO • Confraria do Medronho Os MONCHIQUEIROS