Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blog só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

segunda-feira, 9 de julho de 2018

Festival Música no Bosque - parte I

No passado fim-de-semana fui até Seia, mais precisamente a Lapa dos Dinheiros, onde estive a acompanhar e a registar as actividades do Festival Música no Bosque.
 
Um agradecimento ao Pedro Cabral, que em boa hora me convidou para o acompanhar nesta aventura. Um ambiente fantástico, numa paisagem única e na companhia de amigos e família. Todos os condimentos necessários para um fim-de-semana inesquecível.
 
Partimos na 6ª feira e a primeira paragem foi em Senhor das Almas, num pitoresco café de beira de estrada, junto ao adro da igreja.
 
 
Mais 30 minutos de viagem e chegamos a Velazim, a aldeia onde ficámos alojados, mais precisamente na Casa do Forno. Depois de várias horas na estrada e da luta com as malas, um primeiro momento de descontração. Enquanto desenhava as casas, eis que passa uma simpática moradora, nas "suas calmas"...
 
 
Saímos os 3 para uma caminhada de reconhecimento do Lugar. Esta pitoresca rua conquistou a minha atenção.
 
 
 
Um pouco mais à frente, encontrámos este casario, cuja morfologia denuncia onde estamos: aldeias de montanha.
 
 
Amanhã há mais
 

3 comentários:

Pedro disse...

Um fim de semana muito agradável e uma grande colecção de óptimos desenhos. Obrigado pela companhia.

Bruno Vieira disse...

Bela reportagem 😉

teresa ruivo disse...

Gosto muito do primeiro. Também desenhei nesse sítio!