Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blog só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

na aldeia II


Aproveitei para captar esta casa, que sempre me intrigou. Ao longe, a natureza é generosa, porque dos penedos da serra da Gardunha faz crescer os mais férteis pomares. 

4 comentários:

hfm disse...

Gosto. Muito.

Procópio António disse...

Essa tinta é uma maravilha. Claro que o artista também ajuda.

André Duarte Baptista disse...

Um bela composição. Parabens

Rosário disse...

Gosto destas cores frias!