Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blog só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Festas de São Gonçalinho, Aveiro

Acho que cada vez há mais gente nesta festa, atraindo muita gente de fora de Aveiro. Desta vez tive alguma dificuldade em arranjar um lugarzinho seguro e sem muitos empurrões para desenhar. Os locais já se começam a queixar da fila enorme que os turistas enchem para subir à capela lançar cavacas, prejudicando quem quer participar pela devoção, principalmente as gentes do bairro da Beira-Mar. Este ano também apelaram à não utilização das nassas com grandes varas para que o povo pudesse apanhar as cavacas com as mãos, como é tradição, mas até me pareceram mais altas este ano!
Mas a tradição lá se cumpriu e é sempre muito bonita e animada :)





8 comentários:

teresa ruivo disse...

Estes desenhos estão lindos!

Fefa disse...

Muito bons! Não deve ter sido tarefa fácil pintar no meio de tanta gente...

Cesar disse...

Lindos desenhos e linda tradição!

Pedro disse...

Que multidão tão bem apanhada!

AB disse...

Muito bom Suzana!

Sofia Gomes disse...

Gosto muito da mancha colorida de pessoas nos desenhos!

Isa Silva disse...

Giro! Giro! :-)

Rosário disse...

Lindos!