Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blog só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

terça-feira, 10 de outubro de 2017

Moinhos de Oeiras ( Cacilhas )

Na nossa procura diária, encontrámos estes dois moinhos, entre a A5 e o bairro de Cacilhas.
Pena é estarem todos quase em ruínas, perto destes um outro esse já ruína. Procurei no Google, informação sobre moinhos de Oeiras, local que em tempos era o celeiro de Lisboa, num dos sítios apenas informa que existiram só em Oeiras perto de 90 moinhos, mas nomes ou localização, nem sombra. Tenho de recorrer a quem saiba, talvez a Biblioteca de Oeiras, ou as Relações Públicas da C.M.O..
Dois dos moinhos em Cacilhas.