Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Desenhar acompanhado


Desenhar acompanhado tem as suas vantagens. Para além do convívio é engraçado receber estímulos para desenhar algo que em principio não desenharia sozinho. Neste caso a Marilisa entusiasmou-se com estes azulejos e eu aproveitei a embalagem e desenhei-os também.

2 comentários:

Rosário disse...

Bem bonito! Também prefiro desenhar com companhia!

Marilisa Mesquita disse...

Digo o mesmo: só tu para me meteres a desenhar candeeiros vistos de baixo! Obrigada!