Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

terça-feira, 4 de julho de 2017

A Polónia vem a Lisboa

Uma coisa que liga a Polónia a Portugal é que, normalmente, os dois aparecem ao lado um do outro nas listas de países, quando se preenchem formulários online.

Parvoíces à parte, são ambos países com população maioritariamente católica, o que provavelmente justifica parte do aumento recente de turistas Polacos nas ruas de Lisboa. Entre eles, estiveram dois visitantes muito especiais.



a Kasia Szybka, de Varsóvia, visitou Portugal convidada pelo Turismo de Portugal , para visitar a visita do Papa a Fátima no 100º aniversário das aparições. O Pedro e eu convidámo-la a vir desenhar connosco durante a hora de almoço. Levámo-la ao acolhedor e pitoresco Largo dos Trigueiros para um café e um rabisco. Partilhámos humor negro e histórias das visitas aos países de uns e outros.



O Mateusz Hajnysz de Łódź veio visitar o barlavento Algarvio e Lisboa com a mulher e os dois filhos. O Mateusz foi o primeiro desenhador que conheci em Manchester, no dia anterior ao arranque do Simpósio Internacional de Urban Sketchers, no ano passado. Usamos o mesmo Largo dos Trigueiros como o início de um passeio à volta da colina do Castelo, que nos ouviu a partilhar dicas sobre luz na aguarela, como desenhar casamentos e como gerir um grupo local de urban sketchers. No final, chegámos à conclusão que ambas as nossas línguas têm regras de pronunciação estranhas e meandrosas.

7 comentários:

João Santos disse...

Que maravilha. O primeiro então está bestial!

Marcelo de Deus disse...

Muuuuito bom!

Pedro Alves disse...

O largo onde se levam todos os polacos (e quase toda a gente mesmo...) para desenhar e ser desenhado. Aquele primeiro está mesmo demais. Aquele edificado e este sitio em geral dão sempre em grandes desenhos ;)

AB disse...

Ambos, fabulosos!

Maria Leonor Janeiro disse...

Lindo
Leonor Janeiro

Lurdes Morais disse...

Gosto muito. O primeiro então, está com uma luz espectacular.

teresa ruivo disse...

Sempre craque:)