Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quarta-feira, 12 de julho de 2017

A outra margem


O vento estava de feição, e fui num barco de um amigo, Tejo acima. Saímos de Belém e só fixámos amarras em Valada. Entretanto, tentei desenhar tudo o que aparecia à frente. No final, grande parte do caderno tinha sumido, mas tinha captado toda a margem sul, da foz, na Trafaria, até à Ponta da Erva. Esta panorâmica pode ser vista em 360º aqui.

5 comentários:

Lurdes Morais disse...

Está fabulosa a panorâmica!

André Duarte Baptista disse...

bela sínteses. está lá tudo. muito bom

Bruno Vieira disse...

pena o conjunto não se ver maior, mas isto é muito bom. Bela ideia e belo percurso.

Celeste Vaz Ferreira disse...

Bela panorâmica!

Ana Crispim disse...

Espectacular.