Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

terça-feira, 6 de junho de 2017

Viana do Castelo

Foi um dia bem passado a convite do Marcelo (obrigado Marcelo). Hospedados na Casa Espregueira e Oliveira (primeiro desenho), conversámos sobre desenho em cadernos (belo tema) na Biblioteca e à tarde deambulámos por Viana. Mais dois aqui (desta vez desenhei pouco).



2 comentários:

teresa ruivo disse...

Que bonitos1 adoro as varandas do primeiro!

Alexandra Baptista disse...

Desenhar pouco não é isto!!