Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

domingo, 11 de junho de 2017

...não pretendo contar nada...


6 comentários:

André Duarte Baptista disse...

e eu não pretendia repetir-me, mas já não há palavras novas para descrever tão belos desenhos. obrigado pela partilha

Bruno Vieira disse...

Que giros

Mário Linhares disse...

E não é preciso, que este desenho já conta muito! ;)
Sempre em alta, Rosário!

teresa ruivo disse...

Os teus desenhos falam. Não precisas de contar nada Rosário:)

Alexandra Baptista disse...

Pois, somos obrigados a reconhecer a aceitar a auto repetição, grandes desenhos.

Fernanda Lamelas disse...

Uma composição que conta uma história! Muito bonito!