Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

terça-feira, 20 de junho de 2017

As gentes de hoje

Duas senhoras que me acompanhavam na paragem do 767 (desenhar a que estava mais perto fez-me doer os olhos), e mais tarde, no Cais do Sodré, uma mulher enorme que dava umas baforadas e umas garotas que pareciam esperar por mais alguém.




3 comentários:

Rosário disse...

Senhoras fantásticas!

hfm disse...

Gosto. Muito.

Bruno Vieira disse...

Figuras mesmo fabulosas