Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Feira de Chichicastenango

A feira de domingo em Chichicastenango é um mar de cor, dizem que é a mais colorida da America do Sul e talvez seja verdade. E quando o calor aperta não ha nada melhor que comer uma fatia de melancia e depois pedir licença para desenhar e fotografar todas aquelas frutas apetitosas de que eu tanto gosto.
Leonor Janeiro

4 comentários:

Eduardo Salavisa disse...

Estive quase para ir lá. Não fui, mas tive pena.

teresa ruivo disse...

Na Guatemala é mesmo assim...até os cemitérios são coloridos. Que bom ter desenhado isso!

USKP disse...

É mesmo assim. Muito bom!

Fefa

Isabel Rodrigues disse...

Gosto!
Muita cor transmite energia