Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Amontoados


Tenho várias páginas destas nos meus cadernos.
São amontoados de desenhos em contextos diferentes.
Faço questão de os fazer no caderno para mostrar aos alunos que é lá que as experiências devem acontecer...

7 comentários:

Alexandra Baptista disse...

ahh Mário, ninguém acredita que seja uma expeiência :).

José Louro disse...

Essência do caderninho, é isto.

Rita Catita Afonso disse...

Páginas de liberdade. Lindas.

teresa ruivo disse...

Que caos tão anti caos!Lindo...

Fernanda Lamelas disse...

De Mestre!

André Duarte Baptista disse...

está lá tudo. é difícil imaginar melhor

Rosário disse...

Lindíssimos!