Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

terça-feira, 2 de maio de 2017

A Quinta do Ferro vai renascer e fixou a sua história em desenhos


2 de Maio de 2017, no jornal Público
Um conjunto de 58 desenhos, feitos por Urban Sketchers, está exposto na Galeria Arte Graça. Os desenhadores foram à Quinta do Ferro, no fim do passado ano de 2016. Trata-se de uma zona esquecida, situada entre Graça e Santa Apolónia, onde os edifícios guardam pedaços de navios desmantelados e memórias da 1ª Guerra Mundial. A Quinta do Ferro vai receber uma intervenção do programa Bip-Zip, da Câmara Municipal de Lisboa, que poderá mudar o seu aspecto. Por essa razão, os Urban Sketchers poderão ser chamados para representar o bairro depois das obras.

Sem comentários: