Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quarta-feira, 5 de abril de 2017

Será falta da brisa atlântica?

... ou será apenas uma questão de tempo?
Este vinhático, no campus da Faculdade de Ciências, ainda não desabrochou. Só daqui a muitos anos poderá ser transformado em madeira para mobílias.
Na floresta da laurissilva desenvolvem-se até exemplares monumentais.


2 comentários:

teresa ruivo disse...

Tão lindo!

Eduardo Salavisa disse...

A Faculdade de Ciências tem muitos recantos para desenhar.