Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quarta-feira, 5 de abril de 2017

Do encontro na Alfândega no Porto - USKPN

O meu filho a estudar a complexa escadaria o edifício da Alfândega

e o meu desenho do mesmo modelito, que me consumiu uma boa parte do tempo

3 comentários:

teresa ruivo disse...

Acredito...mas valeu a pena!

Eduardo Salavisa disse...

O modelo é retorcido. Mas ficou bom.

Cesar disse...

Não sei do que gosto mais, se da escada tão fora do vulgar se do desenho que deve ter dado bastante luta para ficar assim tão bém.