Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Desenhos ao serão

Desenhos da minha mãe feitos ao serão, concentração nas palavras cruzadas e atenção na televisão :)



6 comentários:

Lurdes Morais disse...

Belos

Luis Gabriel Marques disse...

Lindos desenhos Suzana! A textura ficou fantástica!

Alexandra Baptista disse...

Tão doce a expressão. Muito bonitos os desenhos.

Rosário disse...

Tão lindos!

Paula Brito disse...

Tão bonito! Gosto muito da forma como trabalhaste o padrão, a textura dos tecidos.

cláudia mestre disse...

Magníficos rostos!