Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quarta-feira, 1 de março de 2017

Experiências com o Grey Book


Um dia de sol na esplanada é perfeito para um desenho descontraido e para colocar luz em vez de sombras.

3 comentários:

Eduardo Salavisa disse...

Estou a ver que essa caneta nesse caderno faz milagres.

Jrosa disse...

São efeitos maravilhosos!

Marcelo de Deus disse...

A caneta nao deve chegar, q eu tenho uma. Só me falta o caderno e o "kit de unhas"...