Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Exposições de Amadeu e de Almada






Enquanto cá esteve a minha amiga açoriana percorremos as belezas naturais da Ericeira e duma área grande a norte. Um dos dias viemos a Lisboa ver a exposição do Amadeu e do Almada. Como diria a Rita Caré, fiz uns "rabiscos" para memória futura.

Da exposição do Amadeu não gostei do espaço, demasiado acanhado para as visitas de estudo e para se ver os quadros com um mínimo de distanciamento.

Sobre a exposição do Almada - magnífica. Quer no salão principal, quer a da sala em baixo; aqui quase tudo me era desconhecido e foi um deslumbre.

1 comentário:

Eduardo Salavisa disse...

Ainda só vi a do Almada. E vale a pena.