Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Em viagem... e não só!

Apeteceu-me ficar pelo caderninho das viagens e desenhar os entretantos. Estou cada vez a gostar mais da bic e desta simplicidade de desenhar só com uma caneta que permite uma diversidade tão grande de expressões.
Era fim de semana de muitos encontros de desenho, mas o da família foi prioritário e por casa me fiquei, desenhei a família que soube ser bom modelo e para mais não deu, já foi muito bom :)









10 comentários:

Bruno Vieira disse...

Sempre com rostos muito bem desenhados

teresa ruivo disse...

Não foi muito bom. Foi EXCELENTE!

teresa ruivo disse...

tenho uma curiosidade: quanto tempo demora a desenhar, por exemplo, o cabelo do João?

hfm disse...

Gosto tanto, Suzana.

Suzana disse...

Obrigada :) Teresa, nem sei, mas foi o tempo do seu jantar um bocadinho mais moroso porque estava entretido com a televisão. Mas foi por ter mais tempo que acho que me demorei mais no cabelo, que adoro fazer :)

AB disse...

Excelente Suzana... :)

Rosário disse...

Tão bonitos!

Manuel Tavares disse...

Fantásticos! <3

Patricia Ferreira disse...

Uou...!!! EXCELENTE!

Luis Gabriel Marques disse...

Muito bons!