Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Quinta do Ferro

Desta vez fui mais cedo e ainda fiz três ou quatro desenhos mas, há tanto para ver, que nem saí da mesma esquina.
Apesar de tudo este último desenho foi feito já ao lusco fusco e tive de acabar de o aguarelar em casa.

9 comentários:

Membro USkP disse...

Ficou bela esta aguarela!

Fefa

nelson paciencia disse...

Este desenho está tão real! Que maravilha.

Pedro Alves disse...

Espectacular, que texturas!

teresa ruivo disse...

Gosto muito da patine das paredes!

Jrosa disse...

Fico sem palavras porque o bairro é mesmo isto!

Marcelo de Deus disse...

Espetacular

Pedro Loureiro disse...

Muito muito bom!!!

Ana Crispim disse...

As cores estão o máximo...

Marilisa Mesquita disse...

Gosto tanto deste desenho!