Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Pavilhão de Ténis da Qta da Conceição em Matosinhos


Para muitos uma das grandes peças da arquitectura portuguesa. Moderna mas ancorada na tradição. Nacional e internacional, portuguesa e japonesa, ... de tudo um pouco. Sobre ela o seu autor, o Arq. Fernando Távora, disse coisas deliciosas, que não funcionando bem para se ver uma partida de ténis ainda assim gostava dela porque ajudava a marcar o eixo de entrada do Parque da Quinta da Conceição até ao porto de Leixões.
Passamos por lá à vinda da visita de estudo a Guimarães. Mais acima há uma piscina do Siza, menos conhecida do que a "piscina das marés" e salvo erro, fora de serviço. Mas bonita na mesma.

1 comentário:

Rosário disse...

Que desenhos tão bons! Gosto deste registo de trabalho!