Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Desenhar Campo de Ourique

Combinamos distribuir pelo bairro, os cartazes do "Campo Vivo"-"Desenhar Campo de Ourique". Quando chega a hora do almoço há sempre um cheirinho convidativo a fazer uma paragem para almoçar. Foi o que aconteceu com a distribuição do cartaz para desenhar as vilas antigos. Um almoço delicioso! Também descobrimos que algumas vilas antigas estão bastante degradadas e por vezes a dar lugar a construções que não têm graça nenhuma. Talvez os nossos desenhos contribuam para que alguma coisa de bom seja feita!

3 comentários:

Manuela Rolão disse...

Rosário, era para ir ter convosco hoje mas não vou conseguir! Bons desenhos!(adoro este!)

Maria Celeste disse...

...que almoço colorido...

Suzana disse...

Que bonito!!