Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Alfama

Mais um dos infinitos recantos que se pudesse desenhava incessantemente.
Este é entre a Rua da Galé e as escadinhas de S. Miguel.
Penso que não constava da lista do desafio. Tenho que lá voltar com mais tempo!


2 comentários:

Alexandra Baptista disse...

Muito bonito. Gosto muito da forma coko a perspetiva nos oridnta e da sombra na rua ao fundo... cria uma "interioridade" muito interessante.

Bruno Vieira disse...

Simples e bonito, resultou mesmo bem