Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

sábado, 12 de novembro de 2016

Um Ano a Desenhar para o Futuro

Na Casa Atelier Arpad Szenes/ Vieira da Silva, o primeiro exercício da sessão de hoje, proposto pelo André Duarte Baptista, estava mesmo a pedir um desenho de peças soltas. Jardim das Amoreiras.

4 comentários:

hfm disse...

Repito-me - da aparente simplicidade com uma linha mágica.

Membro USkP disse...

Que linhas perfeitas. Aposto que demorou muito pouco tempo a desenhar!

Ao ver estes desenhos do Pedro...tenho mesmo pena de não ser arquiteta;-)

Fefa

teresa ruivo disse...

As peças dos teus puzzles compõem sempre lindas páginas!

Rosário disse...

Também gosto!