Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quinta-feira, 10 de novembro de 2016

Está-se bem no silêncio e no burburinho...


5 comentários:

Henrique Vogado disse...

Bem escolhidos os modelos. Poucos detalhes que definem muito bemo cenário. Muito bom!

teresa ruivo disse...

Concordo. E para quando um desenho da Laura?

João Santos disse...

Eu fazia Teresa, mas não sei quem é a Laura eheh

teresa ruivo disse...

Ó João, desculpa, queria dizer da Alice:))

João Santos disse...

aaaahhh eheh não faz mal Teresa! E claro, vou certamente encher cadernos com a Alice, mas ela ainda não se decidiu vir cá para fora :)